PortuguêsEnglishEspañol

Artigos, aplicabilidades e notícias sobre ozonioterapia

Óleo Ozonizado no Tratamento da Psoríase

Ação Antimicrobiana, Cosméticos com Ozônio, Óleos Ozonizados, Oxigenação Metabólica

A psoríase é uma dermatose inflamatória mediada por imunidade crônica recrudescente comum, caracterizada por hiperplasia da epiderme, angiogênese e absorção de células inflamatórias. Vários tratamentos usados ??para tratar a psoríase incluem: preparações tópicas contendo corticosteróides, derivados retinóides, análogos sintéticos da vitamina D3, alcatrão ou antralina; drogas sistêmicas, incluindo imunossupressores e inibidores de calcineurina, ciclosporina, tacrolimus, acitretina e isotretinoína; assim como a fotoquimioterapia (PUVA) e a radiação UVB. No entanto, a maioria das terapias contra a psoríase traz efeitos colaterais consideráveis, incluindo atrofia da pele, telangiectasia, púrpura, pelos e foliculite.

O ozônio possui ação antimicrobiana, acelera o metabolismo sanguíneo, e apresenta efeitos anti-inflamatórios e imunomoduladores, podendo ser utilizado em uma ampla gama de doenças. Recentemente, a ozonioterapia também foi aplicada ao tratamento da psoríase.

A proliferação excessiva e a diferenciação de queratinócitos basais foram consideradas questões críticas durante o processo de psoríase patológica, em que queratina 6 (KRT6) e KRT10 podem estar envolvidas. É relatado que a Tp63 pode regular a capacidade dos queratinócitos de se proliferar e diferenciar. Mais importante, a Tp63 está envolvida na regulação do status redox e é regulada pelo estresse oxidativo nas células epiteliais, inclusive nos queratinócitos. Portanto, a hipótese do estudo de Gao et al. (2020) é de que o ozônio induz a ativação da Tp63, promove a expressão do KRT10 e acelera a diferenciação basal dos queratinócitos, melhorando as lesões psoriáticas.

Na metodologia do estudo foram incluídos vinte pacientes com psoríase vulgar diagnosticados por dermatologistas de acordo com o padrão de diagnóstico. Sobre as lesões dos pacientes foi depositado o óleo ozonizado duas vezes por dia, durante 4 semanas. Posteriormente vinte tecidos de lesões cutâneas de pacientes tratados ou não com O3 foram coletados no Terceiro Hospital Xiangya.

Também foi realizada análise em modelo de dermatite semelhante à psoríase que foi estabelecido em camundongos BALB / C saudáveis. Os ratos foram divididos aleatoriamente no grupo imiquimod em branco (IMQ), IMQ + grupo veículo e IMQ + grupo Ozônio. O creme IMQ (62,5 mg, 5%) foi aplicado seguindo os métodos descritos anteriormente. Para a terapia com O3, o óleo ozonizado foi depositado sobre as lesões uma vez por dia durante 1 semana. As alterações morfológicas foram fotografadas e avaliadas para o escore total de sinais (TSS). As alterações patológicas foram examinadas usando coloração H&E. O nível de expressão proteica de IL-17, IL-22, Tp63, KRT6 e KRT10 nos tecidos da pele foi examinado por coloração imuno-histoquímica (IHC).

Os resultados do estudo mostraram que as proteínas KRT6, IL-17 e IL-22 nas lesões de psoríase diminuíram, enquanto que nas lesões de psoríase tratadas com o ozônio as proteínas KRT10 e Tp63 aumentaram tanto nos pacientes quanto nos ratos IMQ.

Além disso, o Tp63 se ligou à região promotora do KRT10 para ativar sua transcrição nos queratinócitos basais; os efeitos promotores do ozônio no Tp63 e no KRT10 foram significativamente revertidos pelo silêncio do Tp63. A expressão de mRNA de TP63 e KRT10 aumentou significativamente pelo tratamento com ozônio em lesões de psoríase; houve uma correlação positiva entre a expressão de Tp63 e KRT10 nas amostras de tecido, sugerindo que o ozônio induz a expressão de Tp63 para melhorar a expressão de KRT10 e a diferenciação de queratinócitos, melhorando, portanto, a psoríase.

Os autores concluíram que a aplicação de óleo ozonizado pode ser um tratamento eficiente e seguro para a psoríase; O ozônio promove a diferenciação de queratinócitos através do aumento da transcrição do KRT10 mediada por Tp63, melhorando, portanto, a psoríase.

GAO, L. et al. Ozone therapy promotes the differentiation of basal keratinocytes via increasing Tp63-mediated transcription of KRT10 to improve psoriasis. J. Cell. Mol. Med. Oxford, v.24, n.8, p.4819-4829, 2020.

Acesse o conteúdo completo clicando aqui. 

Deixe um comentário:

  1. O melhor produto que realmente resolveu muiiito as minhas psurieses,eu recomendo regenerador da PHILOZON

    Por Patrícia Pires christovão - 17 de fevereiro de 2021
  2. Excelente produto

    Por Vanderleia - 21 de abril de 2021