Notícias

aquario

Maior Aquário da América Latina com tecnologia O3R

Águas, Aquários, Cases de Sucesso

Sistema de ozônio O3R será utilizado para tratar a água dos aquários.

 

peixeO AquaRio,  o Aquário Marinho do Rio de Janeiro, com 70% das obras concluídas, será o maior aquário marinho da América do Sul. O empreendimento contará com 28 tanques que receberão oito mil animais de 350 espécies diferentes de peixes, arraias, tartarugas e tubarões.

Para manter a qualidade e a transparência da água dos tanques dos animais, o AquaRio utilizará a tecnologia O3R, pois para a vida no aquário, nada é mais fundamental do que a qualidade da água.

O objetivo desta matéria é dividir com nossos leitores alguns detalhes deste grande projeto.

O ozônio (O3) é utilizado como desinfetante e oxidante capaz de remover turbidez, algas, odor, cor e sabor no abastecimento de água potável.  A aplicação de ozônio para tratamento de água marinha e água doce de aquários traz diversos benefícios.   A descoloração da água, deixando-a mais límpida e cristalina para melhor visualização do aquário, é um grande diferencial da tecnologia.

Muitas criaturas marinhas secretam toxinas que tem a finalidade de serem prejudiciais para os outros organismos. Se estas toxinas se acumularem nos aquários, elas podem se tornar estressantes para determinados organismos e, neste caso, o ozônio pode desempenhar também um papel importante. A utilização da tecnologia de ozônio na água do aquário tem o benefício potencial da destruição de toxinas orgânicas.

Além das reações mencionadas, o ozônio altera uma variedade de outros materiais inorgânicos, pode permitir uma conversão mais rápida do íon ferroso para íon férrico e altera o equilíbrio redox do aquário, o ORP (potencial de óxido redução).

Os seres marinhos são sensíveis à presença de cloro. Se na água do aquário houver presença de cloraminas proveniente da água de abastecimento pública, o ozônio é capaz de oxidar as cloraminas, eliminando os efeitos maléficos do cloro.

Resumindo, o ozônio aplicado a aquários tem as seguintes propriedades:

  • Remoção de sólidos micrométricos,  que podem ser removidos pelo skimmer ou carvão ativado;
  • Remoção de orgânicos dissolvidos, que não pode ser tratados  por bio-filtro comum;
  • Redução de amonia  (NH3)  e nitrito (NO2) para nitrato (NO3);
  • Precipitação de metais, tais como ferro;
  • Controle de algas;
  • Degradação de componentes inorgânicos prejudiciais, tais como sulfetos;
  • Degradação de pesticidas e detergentes;
  • Desinfecção bacteriana e viral, com tempo de contato reduzido;

Aquarium

Os animais do aquário ganham muito com a tecnologia O3R, vivendo em um ambiente mais saudável para o seu crescimento e desenvolvimento, com a grande vantagem  de não deixar resíduos. O ozônio dissolvido na água decompõe-se rapidamente a oxigênio, que é muito benéfico nos aquários.

 

 

Mesmo tendo  tantas vantagens, é preciso lembrar que o correto dimensionamento do sistema de ozônio do aquário é importante. Uma dose excessiva pode prejudicar a vida no aquário, portanto é preciso ter controle exato da dose que se utiliza e da forma de aplicação.   A quantidade ideal de ozônio varia de aquário para aquário e depende uma série de fatores: o volume de água a ser tratado, as espécies do aquário, o fluxo de água, a quantidade de dejetos na água, a densidade de peixes, o tipo de filtragem biológica e os equipamentos adicionais em uso.

Estamos muito orgulhosos de participar deste grande projeto. A abertura do empreendimento do AquaRio está prevista para o primeiro semestre de 2016. Continue nos acompanhando para saber mais deste projeto e outras aplicações da tecnologia de ozônio O3R.

 

 

 

 

 

Deixe um comentário:

  1. como eu gostaria de ter mais informaçao do ozonio, trabalhar com esse material precioso para a saude!

    Por Luis Antonio de Lima Gomes - 2 de outubro de 2015